Laboratório Associado 11 - Biometria (UFPel)

- Responsável: Antônio C. de Oliveira

- Atividades do Laboratório junto ao INCT                                                                                 Colaboradores

Integrar dados do transcritoma de monocotiledôneas (arroz, milho, trigo, Musa e sorgo) submetidos a déficit hídrico, gerados por sequenciamento massal (Illumina–HiSeq) em projetos anteriores.

LA5, LA6 e LA9

Identificar in silico promotores responsivos a estresse biótico e abiótico.

LA3, LA8 e LA9

Montar um banco de vetores com promotores dirigindo a expressão de genes repórteres (GUS/GFP) em monocotiledôneas e dicotiledôneas.

LA8, LA9 e LA10

Validar a função de genes de plantas identificados nos IDs 1 e 2 potencialmente envolvidos nos mecanismos de tolerância à seca em plantas de Arabidopsis, arroz ou setária via estratégias de superexpressão ou silenciamento.

LA1, LA2, LA3, LA4 e LA5

Organizar, manter e compartilhar um banco in vivo dos ativos de inovação obtidos no projeto compartilhado pelos membros do INCT.

Todos os LAs

Fenotipar (casa de vegetação ou a campo) população de milho, soja e algodão resultantes de cruzamento de eventos GMs identificados nos IDs 4 e/ou 6 para obter prova de conceito da tolerância à seca e/ou resistência a S. frugiperda, Helicoverpa armigera ou Meloidogyne spp.

LA4, LA9, LA10, LA13 e LA14

Please reload

- Descrição do Laboratório

O Centro de Genômica e Fitomelhoramento (CGF) foi criado em 1999, visando integrar equipes de genética quantitativa, lideradas pelo Prof. Fernando Irajá Félix de Carvalho, e de genética molecular, lideradas pelo Prof. Antonio Costa de Oliveira, em cereais de Clima Temperado. Desde sua criação, o CGF recebeu e organizou 5 reuniões da Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia (2000, 2004, 2008, 2013 e 2016). Os pesquisadores do CGF foram responsáveis pela participação brasileira no sequenciamento do genoma do arroz (International RIce Genome Sequencing Project, IRGSP) e IOMAP (International Oryza Alignment Map), apresentando intercâmbios científicos e de estudantes com várias Universidades do Brasil (UFRGS, UFRJ, UFSM, UNIJUÍ, UFV e UPF) e do exterior (UGA, University of Arizona, CINVESTAV-México, Universidad Politecnica de Madrid, Universita di Milano, Université de Perpignan Via Domitia e University of Nottingham). O primeiro grupo de pesquisa foi criado em 1995, com o nome de Melhoramento de Cereais de Estação Fria, em 2009, recebeu o nome de Melhoramento e Genômica de Cereais de Clima Temperado. Em 2016, o nome do grupo passou a se chamar Centro de Genômica e Fitomelhoramento.

- Linhas de Pesquisa


• Melhoramento genético de plantas: gramíneas, leguminosas, solanáceas, liliáceas
• Recursos genéticos, genoma e biotecnologia vegetal

- Infraestrutura

Laboratório

O laboratório possui os equipamentos necessários para o desenvolvimento das atividades, entre eles: sistema de água-ultrapura, sistema de fotodocumentação, capelas de fluxo laminar, autoclave, centrífuga refrigerada, microcentrífuga, eletroporador, espectrofotômetro, geladeiras e freezers, ultrafreezer, agitadores, balanças, micropipetas, aparatos para eletroforese em géis de agarose e acrilamida, estufas para secagem e esterilização, termocicladores e PCR-RT.

Campo

O laboratório possui área experimental para desenvolvimento de trabalhos em campo, sendo usada para teste de cultivares comerciais e novos produtos. Todos os anos são feitos testes de competitividade locais, regionais e nacionais de aveia, nas culturas do trigo, milho e arroz são feitos experimentos de estresses abióticos, bem como, cruzamentos no intuito de identificar genótipos superiores para atender as necessidades de produção.

Nossa Equipe

Antonio Costa de Oliveira

Possui graduação em Engenharia Agronomica pela Universidade Federal de Pelotas (1986), mestrado em Agronomia Genetica e Melhoramento de Plantas pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (ESALQ/USP,1988), doutorado em Genetics - Purdue University (1996) e pós-doutorado (2007) no Department of Genetics da University of Georgia. Atualmente é Professor Titular da Universidade Federal de Pelotas e bolsista PQ-1B. Tem experiência na área de Agronomia, com ênfase em Melhoramento Vegetal, atuando principalmente nos seguintes temas: ciência genômica aplicada a cereais, caracteres quantitativos, melhoramento e variabilidade. Possui diversas colaborações internacionais com grupos de pesquisa dos EUA, Itália, Espanha, França, Portugal, Inglaterra e México.

Camila Pegoraro

Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal de Pelotas (2008), mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela Universidade Federal de Pelotas (2010) e doutorado em Agronomia pela Universidade Federal de Pelotas (2012). Atualmente é professora Adjunta A na Universidade Federal de Pelotas, área de atuação em Melhoramento Genético de Plantas.

Luciano Carlos da Maia

Engenheiro Agrônomo com Doutorado Agronomia-Melhoramento Vegetal pela FAEM/UFPel, onde atualmente atua no Departamento de Fitotecnica como Professor Adjunto de Melhoramento Vegetal. É membro dos Programas de Pós-Graduação em Agronomia UFPel (Fitomelhoramento) e Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Sementes UFPel e colabora com Pesquisas de estresse Abiótico em arroz no Programa de Pós-Graduação em Fisíologia Vegetal-UFPel. Atua no Programa de Melhoramento de Aveia Branca e Aveia Preta do Centro de Genômica e Fitomelhoramento-FAEM/UFPel. Desenvolve estudos de melhoramento convencional e genética quantitativa (arroz e milho) e também estudos em Biologia Molecular e Bioinformática, para a caracterização das redes gênicas envolvidas no estresse abiótico (estresse por salinidade, por frio e ferro em arroz) e qualidade de grãos em arroz. Tem experiência em Bioinformática (programação, bancos de dados e SO Linux) e Experimentação Agrícola. Foi coordenador do PPG-Agronomia-UFPel entre 4/2015-4/2017. Aprovado para Bolsa de Produtividade em Pesquisa (PQ-2) no edital 12/2017.

Please reload

Pós - Doutorado
• Carlos Busanello - Lattes
• Eduardo Venske - Lattes 
• Railson Schreinert dos Santos - Lattes
• Vivian Ebeling Viana - 
Lattes

• Viviane Kopp da Luz- Lattes

Doutorado
• Alan Pelegrin Jr. - Lattes
• Cezar Augusto Verdi - Lattes 
• Cíntia Silveira Garcia - Lattes
• Daiane Prochnow - Lattes
• Fabiane I. de Castro dos Santos - Lattes
• Gabriel Aguiar - Lattes
• Karine Elise Janner de Freitas - Lattes
• Liamara Bahr Thurow - Lattes
• Lílian Moreira Barros - Lattes 
• Mariana Peil da Rosa - Lattes
• Raíssa Martins da Silva - Lattes
• Renata Juliana Ahlert - Lattes
• Vianei Rother - Lattes

Mestrado
• Ana Karina Frank Batidas - Lattes
• Diana Carolina Leivas Cortez - Lattes
• Jennifer Luz Lopes - Lattes
• Luis Herminio Chairez Tejeda - Lattes
• Tiago Corazza da Rosa - Lattes
• Victoria Freitas de Oliveira - Lattes

Iniciação Cientifica
• Evandro Ehlert Venske
• Henrique Pasquetti Carbonari
• Jéder da Rocha Mattos
• Luciana Dallegrave Schroeder
• Matheus Kunrath Meyer

Contato

Centro de Genômica e Fitomelhoramento 
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS
Campus UFPel- Capão do Leão-RS, Brasil
C.Postal 354 - 96160-000
Fone +55 53 3275 7263

E-mail contato@cgfufpel.org

Conheça nosso grupo de pesquisa junto ao CNPq 

Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W5 Norte (final)

Tel: +55 (61) 3448-4705

inctplantstress@gmail.com