Science uses genetics against plant parasites

Ciência usa genética contra parasitas de plantas

Estratégia é estudada por bolsista do Programa CAPES-Cofecub que recebeu o Prêmio de Melhor Pôster na área de manejo de nematoides na agricultura no Seventh International Congress of Nematology.


Valdeir Junio Vaz Moreira pode ter encontrado um novo caminho para combater pragas parasitas, chamadas nematoides, em plantas como algodão e soja. Bioquímico e aluno do Programa de Biologia Molecular da Universidade de Brasília (UnB), ele desenvolve sua pesquisa em um doutorado-sanduíche no Institut National de la Recherche Agronomique (INRAe), na França, com bolsa do Programa CAPES-Cofecub.

Sua estratégia tem sido aplicar a engenharia genética, com ênfase na tecnologia do RNAi. Os experimentos estão sendo desenvolvidos na UnB, na Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia e INRAe, sob a supervisão da professora Maria Fátima Grossi de Sá (Embrapa), com cosupervisão de Janice de Almeida Engler (INRAe).


“Utilizamos a tecnologia do RNA de interferência para o silenciamento do gene Minc03328 e outros candidatos deste patógeno e verificamos grandes níveis de resistência em planta-modelo”, comemora. Ele acredita que, muito em breve, essa estratégia possa ser usada na cultura de soja e algodão geneticamente modificados. Os resultados de suas pesquisas são promissores e os dados podem ser consultados na revista PLANTA, Volume 255, edição 2, ou pelo link https://doi.org/10.1007/s00425-022-03823-4.

Com suas pesquisas, Valdeir Moreira conquistou o 1º lugar em dois concursos: no Talento Estudantil na Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, e no 10° Simpósio de Biologia Molecular pela Universidade de Brasília, além de ser agraciado com o Prêmio de Melhor Pôster na área de manejo de nematoides na agricultura no Seventh International Congress of Nematology (ICN2022).


Programa CAPES-COFECUB Parceria com o Comitê Francês de Avaliação da Cooperação Universitária com o Brasil (Cofecub), o programa seleciona projetos conjuntos de pesquisa para incentivar o intercâmbio entre instituições de ensino superior e institutos ou centros de pesquisa e desenvolvimento públicos dos dois países.

Legenda das imagens: Banner e imagem 1: Valdeir Junio Vaz Moreira é estudante de doutorado do Programa de Biologia Molecular da Universidade de Brasília - UnB (Foto: Arquivo pessoal) Imagem 2: Pesquisador foi agraciado com o Prêmio de Melhor Pôster na área de manejo de nematoides na agricultura no Seventh International Congress of Nematology - ICN2022 (Foto: Arquivo pessoal)

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) é um órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC). (Brasília – Redação CCS/CAPES) A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES


Source: CAPES